Blog IPCI

Miguel Henriques – “Oriente”

O IPCI como parceiro do IMAGO LISBOA Photo Festival 2021, acolhe na sua galeria a exposição Oriente, de Miguel Henriques, reforçando novamente ser um ponto de encontro de artistas, produtores e os mais diversos agentes culturais de relevância quer a nível nacional, quer internacional.

Ainda no âmbito do festival IMAGO e a par da exposição Oriente, o IPCI receberá no seu auditório duas conversas, com temas ligados ao panorama artístico da fotografia em Portugal, com os convidados Paulo Catrica, Céu Guarda e João Henriques. 

«Oriente é o nome da estação de metro do Parque das Nações.
A zona leste de Lisboa apresenta um conjunto de intervenções urbanas de notável interesse, repleto de diversidade histórica, social, geográfica e de design. 

Fotografei muitos bairros do leste de Lisboa, contudo o foco desta exposição são os Olivais e o Parque das Nações. 

Um corpo de trabalho extenso pode ser dispersivo. Além disso, estas imagens foram feitas nos lugares que melhor conheço. Cresci nos Olivais, de onde saí aos meus vinte e muitos anos, e neste momento vivo no Parque das Nações desde 1999.

A construção do modernista bairro dos Olivais iniciou-se em 1959, com base na Carta de Atenas, e na primeira geração das cidades-novas inglesas. O plano previa 70% de moradias de interesse social, e 30% de moradias de aluguer gratuito. As alterações foram ocorrendo ao longo do tempo, mas os Olivais conservaram uma parte considerável das suas escolas originais, espaços comerciais, parque público e equipamentos desportivos.

O Parque das Nações foi construído no contexto da Exposição Mundial (que aconteceu em 1998). A intervenção do Estado abriu caminho para a reorganização da zona ribeirinha oriental de Lisboa, outrora uma zona caótica marcada pelos vestígios da cidade, aterros e indústrias de refinaria.

O Parque das Nações possui uma grande área residencial luxuosa, com comércio e escritórios. O centro contém o perímetro original da Expo 98, contendo nas suas estruturas monumentais equipamentos culturais e de lazer, e um grande jardim, disperso ao longo do rio Tejo. É considerada uma das áreas com maior qualidade de vida da cidade.»

IPCI – Instituto de Produção Cultural e Imagem 

Av. Conde Valbom 102B, 1050-070, Lisboa 

3ª a 6ª – 15h00 às 23h00
Sáb – 10h00 às 13h00 / 14h30 às 17h30

Outras postagens

TWITTER

🚨CANDIDATURAS ABERTAS!
Um programa de estudos destinado a fotógrafos/as e artistas que queiram desenvolver um projeto artístico desde a ideia e a produção, até à exposição ou o fotolivro.
Já te podes candidatar ao Master em Fotografia Artística 👉  https://ipci.pt/cursos/master-em-fotografia-artistica/

Carregue mais
YOUTUBE
FACEBOOK
TIKTOK
TEXTOS LEGAIS
Junta-te a Nós