Marta Lima

1977, Porto,

Licenciada em Som e Imagem pela Universidade Católica do Porto, iniciou atividade profissional especializada antes de terminar a licenciatura, na área da produção para televisão e direção de arte. Atualmente frequenta a licenciatura em Artes Plásticas da Faculdade de Belas Artes do Porto, no ramos de Pintura.
Na área da produção audiovisual para televisão, e no papel de diretora de produção, destaca as séries de ficção “Vidago Palace”, “Dentro” e “Mulheres de Abril”, emitidas em Portugal pela RTP.
No cinema de animação realça “ Amélia & Duarte” de Alice Eça Guimarães e Mónica Santos na direção de produção e direção de arte e “Ride” de Paul Bush na direção de produção.
Fundou em 2014 com Diana Roquette a agência de atores e produtora Agente a Norte, com base na cidade do Porto, dando corpo à vontade de criar oportunidades e actividade audiovisual, para as equipas artísticas e técnicas baseadas no Porto e norte de Portugal.
Entre 2012 e 2021 integrou a companhia de teatro contemporâneo, ASSéDIO – Associação de Ideias Obscuras, produzindo todas os seus espetáculos.
Ainda em 2021 junta-se à produtora de cinema Rua Escura com quem produziu a mais recente curta metragem de André Gil Mata “ O Pátio do Carrasco” e está em preparação da longa metragem “Sob a Chama da Candeia”.

É formadora no Curso Profissional de Realização Audiovisual no IPCI no Porto.

TWITTER

Produção Cultural? É no IPCI! 👊
💥 O curso mais procurado do ano encerra as incrições antes do previsto por esgotar todas as vagas disponíveis.
Vê os cursos de Produção Cultural que estão prestes a começar 👇

Carregue mais
YOUTUBE
FACEBOOK
TIKTOK
TEXTOS LEGAIS
Junta-te a Nós
Newsletter